fbpx

Distribuir conhecimento é preciso

Distribuir conhecimento é preciso

Quem disser que não, é porque ainda não entendeu o poder de distribuir conhecimento.

Eu acho muito interessante esse movimento da internet, sobre distribuir conteúdo, e acho incrível como o nosso ramo do crochê cresceu tanto com isso.

Muita gente boa ensinando de um tudo.

E muita gente pergunta:

Renata, mas porque você não ensina?

Antes de mais nada, para mim sempre foi uma barreira, o ensinar, por eu ser canhota.

E não tenho habilidade alguma com a mão direita.

Poderia aprender e desenvolver, poderia.

Mas eu tenho que me virar e me desenvolver em tantas outras coisas.

Porque até com o crochê eu teria que fazer isso?

Não consegue imaginar outras coisas? Tenta abrir uma lata com um simples abridor com a mão esqueda pra você ver! hehe

Hoje eu já sei, mas no começo era difícil abrir com um abridor de destros.

Então aos poucos fui caminhando no nosso mundo do crochê, e entendendo como seria e qual seria a minha colaboração nesse mundo.

Primeiro, com a Loja sem Nooh, depois organizando e divulgando cursos presenciais.

Organizando o Retiro Eco Crochê.

Se você não o conheceu, falo dele nesses outros posts: Cunha e Bonito.

E hoje, aqui estou, escrevendo e falando dessa arte que eu gosto tanto.

De alguma forma, também ajudando ela a crescer ainda mais com esse querido blog de crochê.

E sendo o que eu mais gosto de ser, eterna aprendiz!

E lendo um texto da Flavia essa semana, me fez refletir ainda mais em tudo isso.

Vou reproduzir um trechinho desse texto aqui pra vocês.

“Sábio é aquele que quanto mais sabe, sabe o quanto mais ainda lhe resta saber. ”

Essa frase me acompanhou na adolescência e mesmo dando aquele famoso “Google”, não encontrei o autor dela pra dar os devidos créditos.

Mas essa é uma verdade absurda: quanto mais conhecimento adquirimos, mais nos tornamos conscientes na nossa pequenez diante de tanto a ser aprendido.

E pior: não teremos tempo para dominar todas as técnicas e o saber de todas as coisas.

Então, a minha dica do dia é: aproveite da generosidade de quem compartilha o seu saber!

Seja esse saber em forma de conteúdos pagos ou gratuitos, alguém vai te ensinar algo que você ainda não sabe e vai te convidar a uma nova experiência.

É importante conhecer e assumir suas limitações, inclusive pra que você saiba onde pode ou precisa melhorar.

(…)

Outra dica importante e muitíssimo valiosa é: seja grato e retribua sempre dando os devidos créditos, inclusive para que esse saber possa atingir outras pessoas, sem distorções!

Texto escrito pela Flavia nesse post aqui ó:

View this post on Instagram

“Sábio é aquele que quanto mais sabe, sabe o quanto mais ainda lhe resta saber. ” Essa frase me acompanhou na adolescência e mesmo dando aquele famoso “Google”, não encontrei o autor dela pra dar os devidos créditos. Mas essa é uma verdade absurda: quanto mais conhecimento adquirimos, mais nos tornamos conscientes na nossa pequenez diante de tanto a ser aprendido. E pior: não teremos tempo para dominar todas as técnicas e o saber de todas as coisas. Então, a minha dica do dia é: aproveite da generosidade de quem compartilha o seu saber! Seja esse saber em forma de conteúdos pagos ou gratuitos, alguém vai te ensinar algo que você ainda não sabe e vai te convidar a uma nova experiência. É importante conhecer e assumir suas limitações, inclusive pra que você saiba onde pode ou precisa melhorar. Eu, por exemplo, não sei “construir” vestuário. No entanto, fiz esse casaquinho lindo, pq contei com a generosidade da @simoneguerreiroo , que domina essa técnica, e compartilhou conosco gratuitamente esse saber no seu perfil! É óbvio que fiz minhas adaptações, pq essa pra mim é a grande beleza do fazer manual: cada peça é única e podemos imprimir a nossa marca por onde passamos, ainda que a genialidade da criação nos tenha sido emprestada por alguém que sabe daquilo muito mais do que nós! Outra dica importante e muitíssimo valiosa é: seja grato e retribua sempre dando os devidos créditos, inclusive para que esse saber possa atingir outras pessoas, sem distorções! . . . . . Casaco com padrão @simoneguerreiroo e adaptações @flaeduprat Fio Mollet da @circuloprodutos

A post shared by Fla & Duprat (@flaeduprat) on

Todo dia é dia de aprender

E é assim que vou aprendendo um pouquinho todos os dias.

Nesse blog totalmente voltado para o crochê e artesanatos você vai encontrar várias dicas, de profes, de novos conteúdos delas.

E dicas que eu mesma vou aprendendo no meu dia a dia.

Se tiver alguma sugestão, comenta aqui embaixo, vou adorar recebê-la.

Se você gostou do texto e também teve a sua própria reflexão… reflete aqui comigo nos comentários! Vou adorar!

Obrigada a você que ficou até o fim.

Grande bjo,

Bons crochês!

Renata

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.